Renan Calheiros (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)

Senador condenou apoio de Bolsonaro ao “extermínio e a matança”

GGN, Patricia Faermann  Ao aplaudir “o extermínio e a matança”, Jair Bolsonaro “copia o nazismo”, afirmou o senador Renan Calheiros (MDB-AL), em suas redes.

O senador criticou Bolsonaro por sua postura diante da morte de Genivaldo de Jesus Santos asfixiado com gás dentro de uma viatura da polícia, em Sergipe, e a chacina da Vila Cruzeiro, no Rio de Janeiro.

Enquanto que para o primeiro o mandatário não se pronunciou, no segundo, Bolsonaro chegou a chamar os policiais que assassinaram 26 pessoas de “guerreiros”. Com os episódios, Renan Calheiros comparou Jair Bolsonaro ao movimento nazista, afirmando que o mandatário “copia o nazismo”.