Tabatha Maia

Durante coletiva, a cantora falou sobre o novo trabalho, que conta com 13 faixas e seis participações especiaisA espera acabou! Na noite desta quinta-feira, dia 10, Gloria Groove fez a alegria dos seus fãs ao lançar Lady Leste, o seu segundo álbum de estúdio. Com 13 faixas e participações especiais, o lançamento mais esperado do ano já começou quebrando as estruturas da internet com três singlesBonekinha, A Queda e Leilão!

Durante uma coletiva de imprensa que o ESTRELANDO marcou presença, a cantora falou sobre o projeto, que conta com convidados como Priscilla Alcantara, Sorriso Maroto, MC Hariel, Marina Sena entre outros.

Questionada como surgiu Lady Leste, Groove contou que estava procurando algo que ela pudesse usar eternamente.

– Lady Leste mostra toda minha versatilidade como artista. Eu estava atrás de uma expressão que fosse um vulgo que eu pudesse usar eternamente, uma expressão que falasse de mim a longo prazo. É um nome muito forte. Foi através da brincadeira que lady sou eu, que cheguei a Lady Leste. Esse álbum serve como uma carta de amor às mulheres da minha vida. Sem a energia feminina e sem a arte eu não teria conseguido expressar os meus sentimentos. 

Com faixas que misturam diversos ritmos, Gloria destacou três músicas que mais chamaram sua atenção:

– Muito difícil de decidir, mas faixas que me chamam atenção […] eu vou destacar uma de cada família. Eu diria SFM com Hariel. Da segunda família, eu acho que mencionaria Tua Indecisão com Sorriso Maroto, que parece que existe há vinte anos. Da terceira família é Pisando Fofo feat com Tasha & Tracie, que se tornou unanimidade entre minha equipe. Todas estão incríveis, mas essas são unanimidade.

Sobre as parcerias, Gloria brincou que é o equilíbrio de sua vida:

– As parcerias desse álbum aconteceram de forma fluida. Ficou até engraçado, é o equilíbrio da minha vida, de putaria a louvor. As sugestões apareceram de forma fluida dentro do estúdio, as seis participações agregam demais, são pessoas que são minha referência, como o Bruno do Sorriso Maroto. Quando eu penso nessas músicas, nesses estilos, eu lembro muita da minha vivência, na minha família, na escola ouvindo funk,. esses ritmos mais populares me puxam para dentro de casa.

Com mais de 5,4 milhões de ouvintes mensais no Spotify e 1,4 milhão de seguidores, Gloria Groove é a drag queen mais ouvida do mundo. Questionada sobre a carreira internacional, ela garantiu que é algo que reflete todos os dias:

Lançando seu segundo álbum na carreira, Gloria falou sobre a vontade em criar algo dessa dimensão:

– Eu fiz um álbum agora porque eu tinha condição, eu sempre quis fazer algo com esse calibre, com esse visual, mas nem sempre eu pude, eu sou uma drag queen no Brasil, vocês devem entender que a minha caminhada até aqui é feita de altos e baixos. Eu fico feliz mesmo, é daí para muito mais.

Sobre o fio condutor do projeto, ela deixou claro que a autoconfiança foi o papel principal:

– Se for pra destacar algo que foi o fio condutor foi a autoconfiança […] ter essa segurança no meu texto é uma coisa que me deixou livre para trabalhar, ter confiança no jeito que eu estava entregando. 

Gloria Groove fala sobre o Rock In Rio

Confirmadíssima para o Rock In Rio 2022, a cantora afirmou que é um sonho que está se realizando.

– É tipo um sonho mesmo, a vida inteira eu vi na TV, no computador e hoje eu posso fazer a diferença para quem está do outro lado. Estou um pouco com o coração acelerado, não vejo a hora de estar lá.

Gloria Groove também levará a era Lady Leste para o Lollapalooza 2022! A cantora estreará no palco do festival no dia 27 de março, mesmo dia de Foo Fighters, Martin Garrix, Alesso e outras atrações internacionais.

Saúde mental de Gloria Groove

Durante a coletiva, Gloria também falou sobre os cuidados com a saúde mental:

– Eu descobri nos últimos dois anos que eu preciso muito de pé no chão, preciso me cercar de pessoas que lembrem sempre quem eu sou, o conforto de saber que eu estou em casa, a relação com a família e amigos é muito importante para minha saúde mental. Eu assumo que isso se deve a minha experiência […] a vida como Gloria Groove é algo novo pra mim, mas como trabalhador não. Eu costumo atribuir esse suposto equilíbrio a essa experiência.