Do UOL, em São Paulo

O empresário Jorge Paulo Lemann, 82, é o brasileiro mais rico, com uma fortuna avaliada em US$ 15,4 bilhões (R$ 71,71 bilhões), de acordo com ranking da revista norte-americana Forbes publicado nesta terça-feira (5). Lemann é dono da cervejaria Ambev, das marcas Brahma e da Skol, e sócio da 3G Capital, de investimentos. No ranking mundial, ele ocupa a 117ª posição.

É o segundo ano seguido em que Lemann lidera a lista, mas no ano passado sua fortuna era maior, de US$ 16,9 bilhões, e ele ocupava a 114ª colocação no mundo.

Eduardo Saverin, cofundador do Facebook, aparece em segundo lugar, com US$ 10,6 bilhões. No ano passado, ele tinha US$ 14,6 bilhões.

O terceiro colocado, com uma fortuna de US$ 10,3 bilhões, é Marcelo Hermann Telles, sócio de Lemann. O quarto e o quinto colocados, são, respectivamente Jorge Moll Filho, fundador da gigante brasileira do setor de saúde Rede D’Or —com fortuna de US$ 9,8 bilhões— e Carlos Alberto Sicupira, que também é sócio de Lemann, com US$ 8,5 bilhões.

Veja abaixo o ranking dos dez brasileiros mais ricos:

  1. Jorge Paulo Lemann e família (Ambev): US$ 15,4 bilhões
  2. Eduardo Saverin (Facebook): US$ 10,6 bilhões
  3. Marcelo Hermann Telles (Ambev): US$ 10,3 bilhões
  4. Jorge Moll Filho e família (Rede D’Or): US$ 9,8 bilhões
  5. Carlos Alberto Sicupira e família (Ambev): US$ 8,5 bilhões
  6. Irmãos Safra (banco Safra): US$ 7,7 bilhões
  7. Lucia Maggi e família (Amaggi, de soja e outras commodities): US$ 6,9 bilhões
  8. André Esteves (banco BTG Pactual): US$ 5,8 bilhões
  9. Alexandre Behring (3G Capital): US$ 5,1 bilhões
  10. Luciano Hang (Havan): US$ 4,8 bilhões

Luciano Hang ganhou US$ 2,1 bilhões em um ano

Um dos destaques da lista é o empresário Luciano Hang, dono da Havan, cuja fortuna cresceu US$ 2,1 bilhões desde a publicação da lista no ano passado. Ele agora aparece em 586º no ranking mundial, com fortuna estimada em US$ 4,8 bilhões.

Dois jovens brasileiros entraram na lista de bilionários da Forbes em 2022. Pedro Franceschi, 25, e Henrique Dubugras, 26, são cofundadores da startup norte-americana Brex, de cartões de créditos para empresas.

Segundo o ranking, cada um deles tem patrimônio de US$ 1,5 bilhão. Fundada no Vale do Silício, a Brex foi avaliada em US$ 12,3 bilhões por investidores em janeiro.

O número de brasileiros bilionários é de 62, segundo a revista.

Elon Musk é o mais rico do mundo, com R$ 1 tri

O empresário Elon Musk, dono da Tesla e da Space X, é a pessoa mais rica do mundo em 2022, com uma fortuna estimada em US$ 219 bilhões (R$ 1,021 trilhão), de acordo com a Forbes. É a primeira vez que ele aparece em primeiro lugar.

Na sequência, estão Jeff Bezos, fundador da Amazon, com US$ 171 bilhões (R$ 797,25 bilhões), e o francês Bernard Arnault, da marca Luis Vuitton, com US$ 158 bilhões (R$ 736,64 bilhões).